Prevenir é o melhor remédio contra a gripe e doenças respiratórias

Diante da preocupação com o novo avanço da Gripe H1N1, reforçamos a importância da atenção e do cuidado da comunidade educativa com relação à prevenção e manifestação de sintomas da Gripe A. A exemplo dos anos anteriores, seguimos com nossas medidas preventivas, que estão sendo intensificadas diariamente.

Como ocorre a transmissão da Gripe A

Assim como a gripe comum, o vírus é transmitido de pessoa para pessoa, principalmente por meio de tosse ou espirro e de contato com secreções respiratórias de indivíduos infectados.

Quais são os principais sintomas

Os sintomas mais comuns são tosse, dor de cabeça, dor de garganta, vias respiratórias congestionadas e febre acima de 38°C. Eles podem vir acompanhados ou não de náusea, dores no corpo e irritação nos olhos.

Orientações às famílias

Se o estudante apresentar sintomas de gripe em casa (tosse, febre, dores musculares, cansaço, náusea, vômitos e diarreia, vias respiratórias congestionadas e irritação nos olhos), a família deverá procurar assistência médica e, em caso de suspeita ou confirmação do vírus, solicitar indicação quanto ao período em que o filho necessita permanecer em casa para recuperação, comunicando o Colégio imediatamente.  

O estudante que apresentar qualquer um dos sintomas de gripe no ambiente escolar, a família será solicitada para que venha imediatamente buscar seu filho. O Colégio não poderá ministrar nenhum medicamento neste período. A família deverá cumprir com os dias de afastamento indicados pelos médicos.

  • Usar agasalhos adequados à temperatura.
  • Não compartilhar alimentos (lanches), copos, toalhas, objetos de uso pessoal e materiais escolares (caneta, lápis, borracha, hidrocor, etc.).
  • Beber muito líquido durante o dia.
  • Trazer uma garrafinha para tomar água.
  • Higienizar as mãos com água e sabonete antes das refeições, antes de tocar os olhos, nariz ou boca, após tossir, espirrar ou usar o banheiro.
  • Evitar tocar os olhos, nariz ou boca após contato com superfícies.
  • Usar lenços de papel, sendo que após o uso deverá ir imediatamente para o lixo.
  • Proteger com lenços (descartáveis) a boca e nariz ao tossir, para evitar disseminação de gotículas das secreções; na impossibilidade do uso de lenço, recomenda-se proteger a face junto à dobra do cotovelo ao tossir ou espirrar.
  • Evitar ambientes fechados e aglomerações (shopping, cinema, etc.).

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.