Encontro promove partilhas sobre a Robótica Educacional

Terminou nesta quarta-feira, 14/6, o Encontro de Robótica Educacional das unidades maristas, que recebeu, no prédio 22 da PUCRS, profissionais de Tecnologia Educacional para dois dias de partilha sobre a área. O evento, que contou com a participação de cerca de 40 mentores e responsáveis de 17 unidades da Rede Marista e quatro escolas externas convidadas, teve como objetivo desenvolver e aprimorar diferentes competências necessárias para o desenvolvimento da Robótica no currículo escolar e nas atividades complementares.


Cerca 40 mentores e responsáveis participaram do evento

A programação contou com atividades de formação voltadas ao desenvolvimento das tecnologias educacionais como um todo. No contexto das práticas curriculares, ocorreram oficinas sobre pensamento computacional, codificação e gestão de tempo, além de momentos de troca e partilha entre os participantes sobre os processos inerentes às atividades do cotidiano escolar.

Na oportunidade, a comissão organizadora do Festival Marista de Robótica aproveitou para apresentar os detalhes e as diversas novidades da edição deste ano, que será realizada nos dias 21 e 22/9, na PUCRS. Pela primeira vez, o Desafio de Drones: terá como base o tema central do evento: Turismo sustentável para o desenvolvimento. Já o Cidade Laboratório irá abandonar a maquete física, passando a desafiar os estudantes a criarem suas soluções no Minecraft Education Edition, jogo amplamente difundido entre crianças e jovens.A atividade será desenvolvida em parceria com a Microsoft.


Evento aprofundou as práticas curriculares da área

O projeto Incubando Ideias será outra novidade desta edição. O desafio consiste em uma jornada empreendedora que envolverá equipes mistas de estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental ao Ensino Médio, contando com apoio de universitários da graduação e pós-graduação da PUCRS.  A partir da temática do Festival, as equipes serão incentivadas a resolver problemas projetando, documentando e criando soluções que envolvam a construção de aplicações através de conceitos de programação. Este novo desafio busca fomentar o empreendedorismo e oportunizar reflexões sobre as potencialidades das tecnologias digitais na formação dos estudantes.

 

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.