Novo espaço da Educação Infantil

A prática educativa marista reconhece o espaço como parte essencial do projeto curricular. O ambiente no qual o estudante está inserido apresenta-se como fonte de aprendizagem, que merece atenção, planejamento, observação, análise e avaliação.

Partindo dessa premissa, o Colégio vem investindo na modernização dos ambientes; entre eles, o novo espaço da Educação Infantil, entregue recentemente a estudantes e educadores. Novas salas de aula, banheiros, espaços de convivência, parque e cozinha experimental visam estimular o protagonismo das crianças, garantindo-lhes diversas possibilidades (brincar, explorar, investigar, descobrir...), em locais acolhedores, inclusivos e desafiadores.

A proposta do novo espaço da Educação Infantil

Salas de aula

Nas salas de aula, as paredes laterais dão lugar a grandes janelas e portas de correr, tornando os locais mais arejados, iluminados e integrados ao ambiente escolar, já que proporcionam visão que extrapola o espaço da sala de aula.  Sobre a iluminação, o novo projeto luminotécnico propicia diversas possibilidades. Entre elas, destaca-se o direcionamento da iluminação para pontos desejados, a partir do uso dos planos de luz indireta e dos spots direcionais. Além disso, diversos cenários foram criados, onde as crianças podem utilizar fantasias, brinquedos, livros, materiais não estruturados e de artes.

Espaços de convivência 

A varanda configura mais um ambiente para atividades e possibilita a integração entre as turmas. Ela dá acesso ao jardim, um amplo espaço verde, com peças em madeira que estimulam os sentidos e desafiam os estudantes, convidando-os a explorar os ambientes de formas variadas.

Casa na árvore

Muitas pessoas já sonharam em ter uma casa na árvore. Agora, ela é uma realidade para as crianças da Educação Infantil, que já a elegeram como um dos ambientes preferidos. Construída em pergolado de madeira e formato de arena, o local abrigará apresentações culturais, assembleias e aulas diversas.

 

Espaço lúdico de interação com a água

Mais uma novidade no espaço da Educação Infantil! O espaço das fontes conta com piso leve, favorece a interação entre os estudantes, estimula a imaginação e propicia o desenvolvimento motor. Trata-se, ainda, de um ambiente oportuno para aprendizados sobre a importância da correta utilização do recurso, já que a água utilizada nas atividades será reaproveitada na estação de tratamento, também inaugurada com os novos espaços.

Estação de tratamento e reutilização de água

Na área abaixo do espaço da Educação Infantil, foi criada uma estação de captação e tratamento de água. Lá, uma grande cisterna captará a água da chuva, que será utilizada nos períodos mais secos do ano, para fins não potáveis, como descargas e limpeza de pisos. A estação de tratamento também reutilizará, para o mesmo fim, a água das pias, dos chuveiros e do espaço lúdico de interação com a água.

Além de ser uma medida sustentável, esse espaço pedagógico agregará conhecimento aos estudantes de todos os segmentos, já que estes poderão acompanhar as etapas de tratamento da água de reuso e, a partir disso, refletirão sobre a importância do uso sustentável desse recurso natural.

Cozinha experimental

No contato com a produção de alimentos, as crianças desenvolvem aprendizados interdiciplinares relacionados à alimentação saudável e à consciência ambiental. Por meio da manipulação de ingredientes, frutas e legumes – alguns deles cultivados na horta do Colégio –, elas trabalham os sentidos e desenvolvem a coordenação motora.

Parque

Brincar é apropriar-se do mundo e aprender com ele. No novo parque da Educação Infantil, a grama deu lugar à areia e os brinquedos totalmente de plástico, aos de madeira. As novas materialidades aguçam a curiosidade e a imaginação, proporcionando novas formas de explorar, inventar e transformar.

 

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.