Projetos da Educação Infantil: sons, água e identidade

Esboço, intenção, memórias descritivas, proposta a se pensar... Projetar! Introduzir o inédito ou um novo desejo em uma história não é apenas prosseguir, é também romper e reorientar o curso das coisas. É permitir o diálogo, vivência e pesquisa, seleção de temas, a problematização por meio do diálogo, da conscientização e da ação social.

A partir dessa premissa, estudantes e professores da Educação Infantil desenvolvem os projetos de turma, iniciados a partir de uma questão levantada pelas crianças, abrindo um leque de novas possibilidades e aprendizados.

Conheça alguns dos projetos desenvolvidos pelas turmas:

Nível 1D – Água

Desta vez, o projeto nasceu de uma afirmação:

- “Profe”, a água serve para a gente fazer xixi! 

- Mas, afinal, para que serve a água? Perguntou a professora à turma.

As respostas foram variadas: “Usamos a água para fazer suco” ou “A minha mãe usa a água para lavar roupa”, dando início às pesquisas e atividades. Por meio de experiências ou da contação de histórias literárias, o Nível 1D tem aprendido muito sobre a importância da água para a natureza e para os seres humanos.

 

Nível 2B – Sons: O barulhar é a alma da infância

Em sala, alguns estudantes questionaram um barulho desconhecido. O que seria? Um carro ou um avião passando próximos ao Colégio? Nenhum dos dois. O barulho em questão era dos passos dos estudantes na sala acima. Desde então, as crianças são incentivadas a prestarem atenção ao que ouvem.

Das batidas do coração a um batuque com instrumentos musicais, os sons têm despertado a sensibilidade e a curiosidade da turma Nível 2B.

 

Nível 3A – Somos todos iguais?

O projeto foi iniciado a partir de pesquisas feitas em casa, com a ajuda das famílias. Perguntas como Quem sou eu? ou Qual o significado do meu nome? despertaram nas crianças a vontade de se conhecerem e conhecerem os colegas. As atividades foram desenvolvidas com a descoberta dos gostos pessoais, características físicas, características dos grupos em que estão inseridas, sempre com destaque para a diversidade.

Seja valorizando as diferenças ou estimulando o respeito mútuo, os estudantes do Nível 3A têm aprendido que a diversidade existe no ambiente escolar e na sociedade. E que ela deve ser respeitada.