Colégios Maristas estão entre as 10 marcas mais relevantes do Estado

Na edição que marca os 20 anos do prêmio Marcas de Quem Decide, promovido pelo Instituto Qualidata e Jornal do Comércio, os Colégios Maristas conquistaram um destaque especial. A grande novidade desse ano foi a votação popular para definir as 10 marcas mais relevantes do Estado, na qual os Colégios Maristas e a PUCRS foram escolhidos pelo público dentro de uma lista que reunia as 60 organizações que mais vezes foram reconhecidas na história do prêmio.

Representantes da Rede Marista, Ernani Aranalde, Ir. Evilázio Teixeira e Luciano Centenaro 

Além do ranking surpresa, a premiação também revelou a tradicional lista das marcas preferidas e lembradas pelos líderes gaúchos em diversos segmentos. Na categoria Ensino Médio Privado, os maristas aparecem como a marca líder na lembrança entre os pesquisados e ainda ocupam a vice-liderança entre as preferidas.

No Marista Medianeira são atendidos cerca de 700 estudantes, 76 apenas no Ensino Médio. Para 2018, as novidades para o nível de ensino são a reestruturação curricular (aumento da carga horária de 30 para 35 períodos), numa proposta inovadora em que oficinas e espaços para as áreas do conhecimento permitem aos estudantes desenvolverem uma série de habilidades e competências relacionadas à pesquisa e à produção de conhecimento; a utilização de IPads pelos professores, potencializando assim o uso da tecnologia na educação; e a utilização de plataformas literárias, visando a ampliação da biblioteca, através de meios digitais, além da potencialização da escrita e da leitura.

Sobre o Marcas de Quem Decide

O projeto Marcas de Quem Decide avalia simultaneamente os índices de lembrança e preferência de marcas em mais de 100 setores da economia. A pesquisa é feita no Rio Grande do Sul, junto a gestores empresariais e profissionais liberais, distribuídos nos principais municípios com participação igual ou superior a 0,5% do PIB Gaúcho.

 

 

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.