Saiba quem são os premiados da Mostra de Curtas

A comunidade educativa conheceu na noite da última terça-feira, 18/7, os melhores curtas-metragens e documentários de ficção, baseados em clássicos literários, produzidos pelos estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e 1º ano do Ensino Médio dentro da 3ª Mostra Literária de Curtas. A solenidade ocorreu no Salão de Atos, momento em que foram exibidos os trailes e versões completas das produções que receberam o troféu Champagnito.

O cerimonial foi conduzido pelos estudantes do 3º ano do EM, Mariana Motta e Francisco Wollmann, e contou também com apresentação do Vocal Juvenil, regido pela professora, Vânia Frank, e acompanhado pelo professor, Jeferson Machado, no violão. Uma exposição concebida pelos estudantes do 1º ano EM na aula de Artes da professora Sandra Calegari, com as temáticas das leituras, pode ser apreciada por estudantes, professores e familiares dos grupos classificados.

Exposição abordou as temáticas dos trabalhos classificados

 

Confira as fotos da solenidade

O corpo de jurados foi composto por três membros: Francine Nunes de Lima, graduanda em Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM); Carolina Salzano Rocha, graduada em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc); e Luiza Betat Corrêa, graduada em Produção Editorial pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e mestranda em Mídia e Identidades Contemporâneas.

Confira o resultado:

Categoria

Curta-metragem de ficção | 9º ano EF

Melhores Curtas-metragens:
Concerto Campestre
O feijão e o sonho
 
Melhor Direção de Arte:
Feliz Ano Velho
 
Melhor Edição
Querido Arthur
 
Documentário | 1º ano EM
 
Melhor Documentário
Deus é inocente, a imprensa não
 
Melhor Direção de Arte:
Dom Casmurro
 
Melhor Edição:
Os Ratos
 
Saiba mais: 
 
A iniciativa pedagógica interdisciplinar da área das Linguagens propõe que os estudantes produzam curtas-metragens e documentários embasados em clássicos literários. O trabalho tem início com a indicação de uma lista de obras. Depois da leitura, os estudantes fazem uma prova oral e elaboram um roteiro. O projeto também introduz as turmas à linguagem audiovisual. Os vídeos são produzidos com equipamentos próprios, como câmeras digitais e smartphones. Além disso, palestras com profissionais da área dão instruções de como desenvolver as produções.
 

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.