Estudantes vivenciam atividades sobre profissões

Durante o mês de junho, estudantes da Educação Infantil e 1º e 2º anos EF participaram de diversas atividades sobre profissões. A turma N3C recebeu o pai de uma das estudantes para falar sobre comunicação. O jornalista apresentou à turma instrumentos que utiliza no dia a dia de trabalho, como o gravador de som e alguns jornais impressos. Pais da N1D também foram convidados a falar sobre suas atividades profissionais.


Atividades ocorreram no mês de junho, na Ed. Infantil.

Os profissionais, que atuam na área da saúde, compartilharam suas vivências, experiências e os principais cuidados que precisamos ter com o nosso corpo e com o dos colegas. Cada estudante escolheu uma profissão (do pai ou da mãe) e, a partir de um diálogo sobre as características da atividade profissional, construíram cartazes e vídeos em parceria com as famílias, contando suas descobertas.

Nas turmas do 1º ano EF, os estudantes caracterizaram-se de acordo com a profissão escolhida e trouxeram objetos ligados às atividades. “Além de ressignificar o debate sobre as profissões, a atividade aproxima as famílias e auxilia no desenvolvimento da oralidade dos alunos.”, conta a professora Glauce, da turma 11.


Profissões nas turmas do 1º ano EF

Já os estudantes do 2º ano EF realizaram uma pesquisa sobre as “profissões que não existem mais”, como a de fotógrafo Lambe-lambe. A partir daí, os alunos levantaram o questionamento “De onde vem a fotografia?”. Para responder a indagação, o educador Leandro de Araújo, Monitor de Tecnologias Educacionais, apresentou um painel sobre a história da fotografia, utilizando uma câmera escura, que funciona da mesma forma que os primeiros equipamentos fotográficos. 


2º ano EF estudaram a história da fotografia

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.