Convivendo com a história

No ano do sesquicentenário de Santa Maria, os alunos do Nível III da Educação Infantil estão empenhados em conhecer importantes locais da cidade. Uma dessas visitas aconteceu na quarta-feira, 20 de maio, quando as crianças foram ao Museu Educativo Gama d’Eça.


As crianças viram animais empalhados bem de perto. 

A história da UFSM, fósseis de dinossauros, dinheiros e moedas de diferentes países e épocas, animais empalhados, artefatos indígenas... A diversidade do acervo encantou os pequenos. “Em uma sala tinha armas antigas e espadas de príncipes que lutaram na guerra”, contou o aluno Felipe Schiran. Já a pequena Júlia Tarragô, uma das sorteadas para subir na carruagem do Conde de Porto Alegre, adorou a condução.


Alguns alunos foram sorteados para subir na carruagem do Conde. 

Entusiasmadas mesmo as crianças ficaram quando foram ao pátio do museu. Canteiros em forma de naipes de baralho, uma rosa dos ventos esculpida no chão, a piscina com um trampolim e viveiros de animais, que hoje estão desativados, passavam uma idéia do que um dia foi a antiga residência da família Astrogildo de Azevedo. “Era uma casa linda, grande, que tinha piscina e canteiros com flores”, contou a aluna Gabriela Magoga.

Todos ficaram satisfeitos com o resultado do passeio. “A visita foi importante para que os alunos pensem a questão do patrimônio histórico, da preservação da cultura e do passado. Todos estavam interessados e contentes com a diversidade cultural”, ressaltou a professora Rejane Soares, responsável pelo projeto ao lado das professoras Andréia Lima e Lara Marasca.


Crianças visitam Ateliê de Artes

Dentro do projeto "A Arte de Aprender Brincando", os alunos do Nível III da Educação Infantil também visitaram o Ateliê de Artes Marília Chartune. Na oportunidade as crianças conheceram o trabalhos e as técnicas das artistas e conversaram sobre suas obras.


Crianças conversaram com artistas sobre suas obras.

Comentários (0)

Entre na discussão.

captcha

Mensagens sem e-mail válido ou com expressões ofensivas serão excluídas.