Histórico

O Colégio Marista Santa Maria possui uma reconhecida trajetória na educação gaúcha, construída desde 1905. Sua caminhada iniciou com a chegada dos primeiros Irmãos Maristas a Santa Maria em 5 de janeiro de 1904: Landry, Marie Berthaire, Félix Théodose, Eduardo João e José Donato. Primeiramente, fundaram a Escola São Luiz e após, por iniciativa do Irmão Weibert, o Colégio Santa Maria.

Em 12 de fevereiro de 1905, foi inaugurado oficialmente o primeiro “Gymnasio” do interior do Estado. As aulas iniciaram no dia 16 de fevereiro do mesmo ano. Foram 106 matrículas para o externato e 56 para o internato.

Em 1908, o então Ginásio Santa Maria foi equiparado ao Ginásio Nacional Dom Pedro II e, no ano seguinte, foram adquiridos novos terrenos e melhoradas suas instalações. Em 1912, o Colégio possuía os seguintes cursos: primário completo e admissão ao ginásio, curso ginasial de cinco anos, curso comercial e estudos avulsos de desenho, ginástica, música instrumental e vocal.

Foto de 1934

 

A partir da década de 1960, a Banda Marcial Irmão Leão animava os santa-marienses com suas apresentações e conquistou, em 1972, o 1º lugar no Concurso Nacional de Bandas, na categoria marcial.

Permeia também a memória das diferentes gerações que passaram pelo Colégio, o Coral dos Pequenos Cantores, sob regência do Ir. Bruno Klein e do Prof. Silvestre.

Banda Marcial Ir. Leão em desfile realizado em 1974

 

Atualmente, o Colégio Marista Santa Maria possui mais de 1000 estudantes e conta com o trabalho de um irmão e cerca de 140 educadores, que mantêm viva a missão do fundador da rede Marista, São Marcelino Champagnat, de  “formar bons cristãos e virtuosos cidadãos”.